Comoção e Emoção: Missa de sétimo dia de falecidos em acidentes no transito de Poções

essa

Aconteceu nesta noite de quinta feira(17) na igreja matriz de poções a missa em honra aos sete dias do falecimento das pessoas envolvidas em acidentes de transito entre os  dias 10 e 13 de setembro.

Os professores Edriza e Elizeu na BA 640 próximo ao povoado de Bandeira Nova, do jovem Bruno na av. Peixoto Jr no cento de Poções e de Antônio (Toinzinho) na BA 262 próximo a usina de pasteurização de leite. Acontecimentos que deixou à população de Poções super abalada e pensativa, como cresce a violência no transito.

A missa foi marcada por fortes emoções que comoveu a todos os presentes na Igreja Matriz em poções. Na homilia Monsenhor Carvalho pároco, deixou a mensagem da missão que temos, “somos vigas na construção da vida! Força ao perder alguma das paredes desta construção , supera para continuar a construção da vida”.

No momento de homenagens, fortes emoções! Muitas mensagens de conforto aos que ficam e lembranças aos que se foram!

Ainda no fim Monsenhor convidou a todos a participar da CAMINHADA PELA PAZ, que acontecera neste domingo iniciando com a Santa Missa e seguindo da caminhando pelas ruas de nossa cidade, vamos grita pela paz. “ou a paz é de todos ou não será de ninguém mais”.

Terremoto no Chile

chileCentenas de milhares de chilenos estão evacuando a região litorânea após o alerta de tsunami nos mais de 4.000 quilômetros da costa devido ao terremoto de magnitude 8,4 graus na escala Richter que sacudiu o centro do país nesta quarta-feira (16).O Serviço Hidrográfico e Oceanográfico da Armada (SHOA) estendeu o alerta para todo o litoral do Chile e ordenou que os navios fiquem dez milhas náuticas afastados da costa do país.

O Centro Nacional de Sismologia da Universidade do Chile elevou a magnitude do tremor para 8,4 graus. O terremoto foi sentido às 19h54 locais (20h54 em Brasília), com epicentro localizado a 46 quilômetros ao oeste da cidade de Canela e a 15,7 quilômetros de profundidade.

Ler mais

Papa Francisco: a família nos salva da colonização do dinheiro

Da redação, com Rádio Vaticano

Cerca de 30 mil fiéis e peregrinos participaram da Audiência Geral na Praça S. Pedro com o Papa Francisco nesta quarta-feira, 16. O Pontífice concluiu seu ciclo de reflexões sobre a família, recordando que a Igreja está prestes a viver dois importantes eventos: o Encontro Mundial das Famílias, na Filadélfia, e o Sínodo dos Bispos, em Roma.

Para Francisco, diante de uma sociedade administrada pela tecnocracia econômica, é necessária uma nova aliança do homem e da mulher para emancipar os povos da “colonização do dinheiro”. Esta aliança, defendeu o Papa, deve voltar a orientar a política, a economia e a convivência civil.
Desta aliança, a comunidade conjugal-familiar do homem e da mulher é a gramática gerativa. Deus confiou à família não o cuidado de uma intimidade fim em si mesma, mas o projeto de tornar “doméstico” o mundo.

“Propriamente a família está no início, na base desta cultura mundial que nos salva; nos salva de tantos ataques, destruições, colonizações, como a do dinheiro e a das ideologias que tanto ameaçam o mundo. A família é a base para defender-se”, disse o Papa.

Ler mais